Antonio Maffezoli é eleito presidente da ANADEP para biênio 2017/2019

Article show big 44d65ca9c819f87f

O defensor público de São Paulo Antonio Maffezoli será o próximo presidente da ANADEP para o biênio de 2017/2019. Candidato da Chapa Única 'Resistir para Avançar', ele recebeu 47 votos. Brancos e nulos somaram 2 votos.

A eleição ocorreu durante assembleia geral ordinária, na terça-feira (6), na sede da ANADEP, em Brasília. Na ocasião também foram eleitos os integrantes dos conselhos Diretor, Consultivo e Fiscal da Entidade. Conforme o edital, cada estado da Federação teve direito a três votos, sendo dois votos do presidente da Associação filiada e um voto do restante apurado pela maioria simples dos defensores associados, que votaram virtualmente. A votação ocorreu de 10h às 16h e foi acompanhada por uma comissão eleitoral.

Ao abrir o processo de votação, o presidente da ANADEP, Joaquim Neto, agradeceu a oportunidade de dirigir a Associação Nacional e representar os defensores públicos estaduais do país. Segundo ele, todo o trabalho feito até o momento foi de luta. “A nossa luta associativa segue. Teremos muito trabalho nos próximos meses e por isso quero fazer uma transição tranquila com o Maffezoli. Nos últimos dois anos travamos grandes batalhas, principalmente no Congresso Nacional, onde atuamos para evitar retrocessos e também fortalecer a Defensoria Pública. Só tenho a agradecer por ter tido a oportunidade de representar a minha categoria e cumprir esta missão”, destacou Joaquim Neto.  Ao final, ele entregou um relatório aos presentes das atividades da diretoria para assuntos legislativos (biênio 2014/2016).

Em seguida, o defensor público do Distrito Federal, Alberto Carvalho Amaral, integrante da Comissão Eleitoral, explicou as regras do pleito e deu a palavra ao integrante que lidera a chapa "Resistir para Avançar".

O candidato à presidência da ANADEP para o biênio 2017/2019, Antonio Maffezoli, iniciou sua fala conclamando a participação dos presidentes de Associações Estaduais na luta associativa da Associação Nacional. "Tivemos nos últimos anos exemplos exitosos da atuação da ANADEP. A expectativa era grande para implantar a EC 80 nos estados e, com isto, levar a outro patamar a Defensoria Pública. No entanto, nos últimos dois anos também tivemos muita instabilidade no cenário político. Por isso, a chapa Resistir para Avançar vem com o objetivo de união para que juntos possamos trabalhar para garantir o fortalecimento da nossa Instituição, a paridade da nossa carreira no sistema de Justiça e também lutar pelos direitos fundamentais do usuário da Defensoria", pontuou Maffezoli.

Entre os principais eixo de trabalho da nova diretoria destacam-se: paridade entre as carreiras do sistema de Justiça; apoio às Associações Estaduais; garantia e afirmação das autonomias, afirmação do modelo público de assistência jurídica integral e gratuita; correta implantação da Defensoria Pública do Amapá; reforma da Previdência, estruturação da Defensoria Pública; promoção e defesa da cidadania e dos Direitos Humanos; aperfeiçoamento e capacitação através da ENADEP e o lançamento do I Prêmio Nacional de Jornalismo.

Na AGO estavam presentes defensores públicos de vários estados e representantes das Associações, entre eles, da Bahia, do Ceará, do Distrito Federal, do Espírito Santo, do Maranhão, do Mato Grosso, do Mato Grosso do Sul, do Pará, do Paraná, do Piauí, de Roraima, de Rondônia, do Rio de Janeiro, do Rio Grande do Sul e do Tocantins.

A posse dos novos integrantes dos Conselhos da ANADEP será no dia 15 de fevereiro de 2017, em Brasília, em local e hora a serem divulgados.  

Perfil: Antonio Maffezoli é defensor público de São Paulo. Foi vice-presidente da ANADEP na gestão 2011/2013. Na Associação Nacional também ocupou o cargo de diretor acadêmico e legislativo em outras gestões. Desde 2010 é defensor público interamericano, onde representa e exerce a defesa legal de vítimas necessitadas que não possuam representação perante a Corte Interamericana de Direitos Humanos.

Especialista em Direitos Humanos pela Universidade do Chile, Maffezoli esteve à frente de momentos importantes na história Instituição como: Movimento pela Defensoria Pública de São Paulo (2002/2006); colaborador da ANADEP na mobilização pela aprovação da PEC da Reforma do Judiciário, que resultaria na EC 45, em 2004; colaborador da redação do PLC 132, do PLP 114, da EC 80 e da PEC do Conselho Nacional da Defensoria Pública (CNDP). Atuou também pela criação das Defensorias Públicas do Paraná e de Santa Catarina. Em seu último cargo, foi assessor parlamentar da DPE-SP, acompanhando a tramitação das propostas de interesse da Defensoria Pública na Assembleia Legislativa de SP e no Congresso Nacional. 

Fonte: Ascom Anadep

Compartilhe:

Outras Notícias

Article show big 146b7b4b96748d11
Article show big 0544d060354b609a
Article show big 19423f3343efcb4b